Mídia Digital e Marketing de Influência

Mídia Digital e Marketing de Influência

Não é nenhuma novidade que a mídia digital vem dominando o dia a dia das pessoas e se tornando cada vez mais responsável pela disseminação de informação e formação de opiniões. O Brasil é hoje o segundo país do mundo a passar mais tempo na internet, com 62% da população ativa nas redes sociais, segundo relatório divulgado pelas empresas We are Social e Hootsuite, agências de marketing digital especializadas em mídias sociais com presença no mundo inteiro.

Esses dados das empresas mostram o impacto da internet na vida dos brasileiros e a importância da presença das empresas no digital, seja na construção de marca ou comunicação com o público. Nesse mesmo sentido, as mídias digitais se tornaram uma importante ferramenta para o marketing digital, passando a ser o maior foco de investimento de muitos negócios, já que dessa forma é muito mais fácil chegar ao público-alvo desejado e, consequentemente, efetivar a venda.

Ebook Delivery

A mídia digital nada mais é do que a comunicação feita via internet, seja através de publicações nas redes sociais (Facebook, Instagram, Twitter, LinkedIn), banners em sites, etc. Diferentemente da mídia tradicional (jornal, rádio, panfletos, cartazes), na mídia digital conseguimos efetivamente medir o impacto de uma publicação ou conteúdo. Como? Através de dados exibidos pelas próprias plataformas: curtidas, comentários, visualizações, compartilhamentos, entre outros. Dessa forma, fica ainda mais fácil obter o feedback da sua divulgação, já que é possível investigar como o seu público se comportou com o conteúdo.

Com o crescimento da mídia digital, nasceram também as estratégias de marketing para esses canais, como o famoso Inbound Marketing, desenvolvido para atrair quem tenha interesse em certo produto ou serviço. A estratégia categoriza essas pessoas ou público de interesse como “leads”, e tem como objetivo atrair, converter e encantar clientes, criando um relacionamento com eles através da criação e compartilhamento de conteúdos, desenvolvidos para um público-alvo específico que deve ser definido através de estudos e pesquisas, chegando à persona ideal.

Por isso, é de suma importância para qualquer negócio desenvolver a sua própria persona (ou personas). Somente com um público-alvo bem desenvolvido, um empreendedor poderá compreender a fundo como é o seu consumidor ideal e, assim, chegar até os canais que ele tem o hábito de se comunicar, mapeando a forma como ele pensa, o que ele gosta, como fala, quais as suas dores, objetivos, etc.

Conheça os principais tipos de mídia digital e suas vantagens:

Mídia Paga

Mídia paga é o processo em que um negócio investe dinheiro para que sua publicação/conteúdo sobre seu produto ou serviço chegue até o público desejado. Pode ser feita através de anúncios em plataformas como o Google Ads, Facebook Ads, Instagram Ads, etc; ou através de parcerias com influenciadores digitais ou criadores de conteúdo. São os famosos “publis” ou patrocinados.

As maiores vantagens nesse tipo de mídia são o grande alcance e a mensuração dos resultados, já que o negócio pode segmentar o conteúdo de acordo com a sua estratégia, direcionado especificamente para o público que deseja atingir. É um excelente custo-benefício, já que são muito mais baratas que as mídias tradicionais e ainda medem o alcance da sua publicação, sendo flexível ao investimento da verba. 

Mídia Orgânica

Mídia orgânica é todo o retorno/feedback positivo recebido pelo negócio com esforço efetivamente da equipe de marketing, que trabalha para entregar um conteúdo de qualidade e constrói um relacionamento com o seu público. Esse retorno pode ser através de comentários positivos, compartilhamentos, menção em redes sociais, resenhas espontâneas, etc.

A maior vantagem nesse tipo de mídia é que o investimento necessário já faz parte do próprio negócio, com a equipe responsável pelo setor, já que fidelizar os clientes acaba sendo uma consequência e esforço dentro da empresa.

Mídia Própria

A mídia própria nada mais é do que os canais oficiais pelo qual o negócio se comunica com o público, ou seja, site oficial, blogs, perfil nas redes sociais, etc. É através desses canais que os consumidores conhecerão a marca, como ela se comunica, quais produtos/serviços vende e como ela consegue construir um relacionamento com o público através de publicações, conteúdos criativos e parcerias com influenciadores.

A grande vantagem é que o negócio pode controlar exatamente o que publica sobre si mesmo, em contrapartida, não há garantia de que mesmo com um conteúdo de qualidade o empreendimento terá um retorno positivo de visitantes. Porém, um funil de vendas bem estruturado e ferramentas de SEO podem ajudar.

Marketing de Influência: o que é?

Com a popularização das redes sociais e o impulso gerado pelas mídias digitais, a internet assume hoje um novo formato de consumo e, consequentemente, como as marcas passaram a se relacionar com os consumidores com essa transformação. Hoje, 97% dos consumidores buscam se informar através de outros usuários online antes de realizar uma compra, seja de um serviço ou produto. 

Essa mudança veio alinhada ao crescimento de perfis de pessoas reais nas redes sociais que, hoje, acumulam um público de até milhões de seguidores, são os famosos Influenciadores Digitais e Criadores de Conteúdo. São indivíduos que já eram conhecidos como modelos, artistas, jogadores de futebol ou assumiram esse posto como forma de trabalho e acumulam parcerias com marcas através do seu poder de influir diretamente no consumo de outras pessoas, seja criando tendências ou recomendando produtos e serviços. 

Lembrando que não só as marcas devem encontrar o seu público-alvo, mas os influenciadores também devem encontrar o seu nicho para se desenvolverem e crescerem dentro dele!

O Qualibest, instituto de pesquisa, revelou que influenciadores/criadores de conteúdo já ocupam o segundo lugar de maior fonte de informação para tomadas de decisão dos consumidores, com 49% dos respondentes afirmando que já compraram um produto ou serviço porque foram influenciados digitalmente.

Alinhado a esse cenário, nasce o Marketing de Influência, denominação que tem como fundamento o desenvolvimento de estratégias para executar ações de venda e divulgação com influenciadores digitais, por possuírem um público fiel e representarem uma influência no momento de decisão de compra.

O principal objetivo dessa abordagem se dá pelo alto poder de engajamento e pela amplitude do alcance, que é capaz de criar uma ponte forte entre a marca e o público influenciado. Esse sucesso pode ser explicado pelo fato de serem pessoas reais falando com pessoas reais, ou seja, é uma relação capaz de aumentar a confiança do consumidor, passando uma credibilidade muito maior do que uma simples mídia tradicional. Esse formato facilita ainda mais o processo de adquirir novos clientes, gerar valor e confiança de marca, reter clientes e influenciar na decisão de compra quando o consumidor já confia e se identifica com certo influenciador/criador de conteúdo.

Independente da estratégia adotada e do meio, ou canal, escolhido para investir dinheiro e alavancar o negócio, uma coisa é certa: é imprescindível, para qualquer empreendimento que deseja ter sucesso, ter o mínimo de conhecimento de Mídia e Marketing Digital. Não basta, hoje, simplesmente contar com um conteúdo de qualidade se não há investimento para que ele chegue até o público-alvo desejado.

 

O que você achou de entender sobre Mídias Digitais e a sua importância para um negócio/empreendimento? Deixe o seu comentário e se inscreva em nossa newsletter para receber os nossos materiais ricos!

Compartilhar:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Ana Carolina Ramos

Ana Carolina Ramos

Deixe seu Comentário:

Inscrição
Notificação de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários

Posts Relacionados